África, Escola de Negócios EENI Business School
Línguas africanas (Doutoramento)

Línguas afro-asiáticas, nilo-saarianas, nigero-congolesas, khoisan, austronésias (Doutoramento em Negócios Africanos)

O compromisso da EENI Global Business School com o desenvolvimento de África: a potenciação das línguas africanas

O número total estimado de línguas nativas africanas é de entre 1.250 e 2.100 (de acordo com a definição de idioma em relação com o dialeto).

Quase todos os países africanos têm uma enorme riqueza linguística:

  1. Mais de 500 línguas falam-se na Nigéria (190 milhões de pessoas): o Hauçá, o Iorubá ou o igbo
  2. No Burquina Faso existem sessenta línguas nacionais: o moré, o fulfudé (peul) ou o diúla
  3. As línguas sul-africanas mais importantes são o zulu, o xhosa e o afrikáans

Em África, um centenar de línguas utilizam-se para a comunicação interétnica: o árabe, o somali, o berbere, o amarico, o oromo, o igbo, o suajili, o Hauçá, o Mandinga, o fulâni e o Iorubá.

  1. 17% dos africanos falam um dialeto do árabe.
  2. 10% dos africanos falam o suajili, a língua franca da África Oriental
  3. 5% dos africanos falam um dialeto berbere
  4. 5% dos africanos falam o Hauçá, uma língua franca em uma grande parte do Sahel.
  5. Outras línguas importantes da África Ocidental são o Iorubá, o igbo e o Fula.
  6. As principais línguas do Corno de África são o amarico, o oromo e o somali

A União Africana declarou em 2006 o “ano das línguas africanas”.

De conformidade com a Ata Constitutiva da União Africana, os seus idiomas de trabalho são o árabe, o inglês, o francês e o português, e os idiomas africanos “se é possível”. Um protocolo que emenda a Constituição, adotado em 2003 mas ainda não ratificado por uma maioria de dois terços dos Estados membros, agregaria o espanhol, o suajili e “qualquer outra língua africana”.

Os grupos linguísticos africanos

A maioria das línguas faladas em África pertencem à uma das cinco grandes famílias linguísticas africanas:

  1. As línguas nigero-congolesas (a maior de África)
  2. As línguas afro-asiáticas (camito-semíticas, 300 línguas, 350 milhões de pessoas)
  3. As línguas nilo-saarianas (60 milhões de pessoas)
  4. As línguas khoisan (África do Sul, o Kwadi-Khoe, o Kx'a, o Tuu e o Sandawe)
  5. As línguas austronésias (o Malgaxe)

As línguas “importadas” (ou línguas associadas ou línguas coloniais) são: o francês (115 milhões), o inglês (130 milhões), o português (30 milhões) e o afrikáans. O árabe poderia ser considerado como um idioma importado.

As línguas africanas oficiais por país

Mestrado negocios, comércio exterior (EAD) em inglês African languages Mestrados em Comércio Exterior e Negócios em francês Langues africaines Estudar Mestrado negócios e comércio exterior EAD em espanhol Lenguas africanas

  1. Mestrados: Negócios em África, Transporte em África, Comércio Exterior, Negócios Internacionais
  2. Doutoramentos (Doutorados): Negócios Africanos, Comércio Mundial, Logística Global

Estudantes nigerianos (Lagos) Nigéria (mestrado)



(c) EENI Global Business School (Escola de Negócios). Devido à pandemia COVID, a EENI implementou o teletrabalho. Favor entrar em contato somente por e-mail, WhatsApp ou pelo formulário de solicitação de informações
N�o usamos cookies